Visitantes

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

10 questões sobre energia - vestibular


IFG

1 - Para a produção de energia elétrica, faz-se necessário represar um rio, construindo uma barragem, que irá formar um reservatório (lago). A água represada moverá as turbinas, que produzirão a energia. Entre os impactos ambientais causados por
esta construção, podem-se destacar:
a) aumento da temperatura local e chuva ácida;
b) alagamentos e desequilíbrio da fauna e da flora;
c) alagamento de grandes áreas e aumento do nível dos oceanos;
d) alteração do curso natural do rio e poluição atmosférica;
e) alagamentos e poluição atmosférica.

2 - O uso de combustíveis está diretamente relacionado a sua origem, se renovável ou não. No caso dos derivados do petróleo e do álcool de canade-açúcar, essa diferenciação se caracteriza:

a) Pelo tempo de reciclagem do combustível utilizado. Neste caso, o tempo maior seria para o álcool.
b) Pela diferença na escala de tempo de formação das fontes: período geológico para o petróleo e ciclo anual para a cana.
c) Pelo tempo gasto no processo de refinamento do petróleo.
d) Pelo tempo de combustão para uma mesma quantidade de combustível. Neste caso, o tempo maior seria para os derivados do petróleo.
e) Pela quantidade de partículas lançadas no ar. Os derivados do petróleo lançam bem mais partículas.

3 - Assinale a alternativa correta com relação aos recursos energéticos.
a) São chamadas de combustíveis fósseis as fontes energéticas geradas pela fossilização de material orgânico. Os mais importantes combustíveis fósseis são o carvão, o petróleo e os derivados do álcool.
b) Os combustíveis fósseis, recursos finitos e não renováveis, têm os custos econômicos de sua exploração encarecidos quando a sua localização ocorre em consideráveis profundidades.
c) A queima de combustíveis fósseis provoca a liberação de gás carbônico na atmosfera, o que ocasiona o resfriamento das temperaturas globais.
d) Os maiores responsáveis pela poluição atmosférica causada pela queima dos
combustíveis fósseis são os países periféricos, uma vez que as indústrias dos países
tecnologicamente mais avançados já operam, em sua maioria, com a chamada "tecnologia limpa".
e) A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) congrega exclusivamente países árabes, constituindo-se numa organização essencialmente política, baseada no poder econômico possibilitado pelo domínio da exploração do mais importante dos combustíveis.

IFMT

4 - “A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) remarcou cinco audiências públicas, no nortão, para debater
o Estudo de Impacto Ambiental e o Relatório de Impacto Ambiental (EIA/Rima) feito pela Empresa de Pesquisas
Energéticas (EPE) para a construção da Usina Hidrelétrica de Energia (UHE) de Sinop, no rio Teles Pires, a ser construída em Sinop, Sorriso, Ipiranga do Norte, Itaúba e Cláudia. [...]”
(ALVES, Alexandre. Remarcadas audiências sobre Teles Pires em cinco cidades. Disponível em: < http://www.olhar. direto.com.br/notícias>. Acesso em: 15 set. /2010.)
Como o estado de Mato Grosso e os projetos de hidrelétricas noticiados no texto, muitos outros estão em discussão no Brasil. Sobre essas fontes de energia, o aproveitamento econômico e os impactos ambientais gerados, a alternativa correta é:
a) Do total de energia elétrica produzida no Brasil, mais de 90% são de termelétricas, sendo que as crises do petróleo e a demanda do mercado de consumo industrial levaram a um grande investimento no setor a partir das décadas de 1990.
b) Entre as usinas hidrelétricas brasileiras de grande porte estão as de Itaipu, Tucuruí, Ilha Solteira e São Simão, todas localizadas na região Sudeste do Brasil, na bacia do rio Paraná.
c) A hidreletrecidade não é poluidora, mas a construção de uma usina causa muitas transformações no espaço onde é instalada, como alagamento de áreas florestais e férteis, transferências de populações ribeirinhas e, muitas vezes, abandono de cidades inteiras ou parte delas.
d) Ao falarmos de impactos ambientais, as comunidades tradicionais devem ser incluídas, o que leva, muitas vezes, a manifestações de grupos indígenas e de ribeirinhos, como o caso da usina de Belo Monte, no rio Xingu, no Amapá, juntos no Movimento Xingu Vivo para sempre.
e) O Brasil possui abundantes recursos hídricos, mas que não estão bem distribuídos e utilizados para a produção de energia elétrica. As bacias hidrográficas de maior aproveitamento são as bacias do rio Paraná e do rio Xingu.

5 - “Os royalties do petróleo não têm sido suficientes para melhorar a qualidade de vida da população nos principais municípios produtores – mostra um levantamento que vem sendo coordenado pelo professor Cláudio Paiva, do Departamento de Economia da Universidade Estadual Paulista (Unesp). [...]”
(BBC BRASIL. Royalties não melhoraram vida em municípios produtores, diz estudo. Folha Online, 19 mar. 2010. Disponível em: < http://www1.folha.uol.com.br/folha/bbc/ult272u709092.shtml >. Acesso em: 20 mar. 2010.)
A partir do seu conhecimento sobre a política brasileira de petróleo, assinale a alternativa correta:
a) Atualmente, os estados do Rio de Janeiro e São Paulo são os maiores beneficiados com a arrecadação de royalties e participações especiais (cobrados de campos com grande produção), por serem, juntos, responsáveis por cerca de 85% da produção de petróleo do país.
b) A chamada emenda Ibsen (aprovada na Câmara Federal, em março de 2010) determina uma distribuição – pelos critérios do Fundo de Participação dos Municípios e do Fundo de Participação dos Estados – dos royalties e participações especiais de contratos vigentes e futuros de exploração e produção de petróleo.
c) As taxas de crescimento do setor industrial do estado do Rio de Janeiro têm sido, nos últimos anos, as mais altas da economia brasileira. Este crescimento é o resultado da instalação de novas refinarias de petróleo na Baixada Fluminense.
d) Conforme a emenda Ibsen, os estados e municípios brasileiros produtores de petróleo terão participação equitativa nos royalties do petróleo, mas aqueles que produzem terão participação diferenciada. e) No Brasil, a exploração do petróleo concentra-se nas bacias sedimentares do Recôncavo Baiano – devido à presença de grandes jazidas e à proximidade das metrópoles industriais –, associando-se a uma densa rede de transporte rodoviário que facilita a interiorização da distribuição do produto.

6 - “O pré-sal dos ventos. Foi assim que o brasileiro Bento Koike, 51 anos, proprietário da Tecsis, o segundo maior fabricante mundial de pás para aerogeradores eólicos, com sede em Sorocaba-SP, definiu o primeiro leilão brasileiro de energia eólica, realizado pelo Ministério de Minas e Energia em meados de dezembro de 2009.”
(CHAVES, Débora. O vento tem a resposta. Revista Veja, São Paulo, 2.145 ed., a. 42, n. 52, p. 240-44, 2010.)
Sobre o assunto discutido no texto, analise as afirmações abaixo:
I. Por serem uma fonte de energia limpa e inesgotável, as usinas eólicas constituem a modalidade de energia renovável que mais cresce no mundo, cerca de 25%.
II. Na região Nordeste, estão localizadas as maiores jazidas de ventos do país.
III. Nem tudo, porém, gira a favor do vento. As usinas eólicas demoram muito para serem construídas. Além disso, em território brasileiro, a irregularidade dos ventos elevaria muito a chamada “eficiência energética” (oferta e barateamento do preço final para o consumidor).
IV. A energia eólica, apesar de ser não-renovável, é ambientalmente limpa e apresenta, pelo menos, quatro fatores simultâneos que justificam uma atenção especial visando efetivá-la, como: fonte complementar à geração hídrica no parque gerador brasileiro; o vasto potencial eólico do país; sua distribuição geográfica que se estende também pelo interior do país, em áreas socialmente carentes; importância de o Brasil acompanhar o desenvolvimento que vem ocorrendo, em nível internacional, dessa tecnologia de geração.
Assinale:
a) se apenas I e III estiverem corretas.
b) se apenas II e III estiverem corretas.
c) se apenas III e IV estiverem corretas.
d) se apenas I e II estiverem corretas.
e) se apenas I e IV estiverem corretas.

UEPB

7 - O Carvão mineral e o petróleo continuam a ser as duas principais matrizes elétrica e energética mundiais, porém a crise ambiental (com destaque para o aquecimento global) e a problemática do
abastecimento de petróleo fazem com que os combustíveis renováveis e, sobretudo “limpos”, ganhem evidência. Sobre a questão é correto afirmar que
I. os combustíveis fósseis, embora não-poluentes, necessitam ter seu consumo reduzido pelo simples fato de não serem renováveis e, portanto, sujeitos ao esgotamento em um futuro próximo.
II. a água, embora seja uma fonte de energia limpa e renovável, gera polêmicas pelos impactos sociais e ecológicos causados com as construções de grandes hidrelétricas, que destroem ecossistemas e expulsam populações ribeirinhas.
III. a energia solar, apesar de abundante e não-poluente, ainda é pouco utilizada, o que certamente se explica muito mais pelas políticas energéticas e interesses de grupos, do que pelo elevado custo dos painéis de captação de energia.
IV. o Biodiesel, destaque brasileiro em tecnologia alternativa de combustível por ser menos poluente que os hidrocarbonetos e por criar empregos no campo, nem por isso está imune de gerar problemas ambientais, sobretudo, se vier a ser um investimento muito lucrativo, pois fatalmente avançará e destruirá áreas ainda preservadas e de fronteiras, como já ocorre com a soja. Estão corretas apenas as alternativas:
a) II, III e IV
b) I, II e III
c) I e IV
d) II e III
e) I, II e IV

8 - “A Idade da Pedra chegou ao fim, não porque faltassem pedras, aera do Petróleo chegará igualmente ao fim, mas não por falta de petróleo”.
(O Estado de São Paulo, 2002.)
Com base em seus conhecimentos sobre o assunto, o fragmento do texto nos mostra que o fim da era do petróleo estaria relacionado
I. à redução e esgotamento das reservas de petróleo e à diminuição das ações humanas sobre o meio ambiente.
II. ao desenvolvimento tecnológico e à utilização de novas fontes de energia.
III. ao desenvolvimento dos transportes e ao conseqüente aumento do consumo de energia.
Está(ão) correta(s) APENAS a(s) proposição(ões)
a) I
b) II
c) III
d) I e II
e) II e III

9 - “Todas as atividades humanas, desde o surgimento da humanidade
na Terra, implicam no chamado ‘consumo’ de energia. Isto porque
para produzir bens necessários à vida, produzir alimentos, prazer e
bem-estar, não há como não consumir energia, ou melhor, não
converter energia. Vida humana e conversão de energia são sinônimos e não existe qualquer possibilidade de separar um do outro.” (WALDMAN, Maurício. Para onde vamos? S.d., p. 10. Disponível em:
http://www.mw.pro.br/mw/eco_para_onde_vamos.pdf>)
Apesar de toda importância do consumo de energia para a vida moderna, podemos afirmar que sua forma de utilização no mundo contemporâneo continua a ser insustentável porque
a) o consumo de energia é desigual entre ricos e pobres, sendo que os pobres continuam a utilizar fontes arcaicas que são muito mais danosas ao meio.
b) as chamadas fontes alternativas que são não-poluentes são de custos elevadíssimos e só podem ser produzidas em pequena escala para consumo muito reduzido.
c) a energia hidroelétrica que assumiu a liderança no consumo mundial necessita da construção de grandes represas que causamgrandes impactos ambientais.
d) as principais matrizes energéticas do mundo continuam a ser o petróleo e o carvão, que são fontes não-renováveis e muito poluentes.
e) a energia nuclear, que é a solução mais viável para a questão energética do mundo, depende do enriquecimento do urânio, cuja tecnologia é controlada por poucos países e inacessível para a grande maioria.

10 - A mídia nacional destacou com muita evidência a descoberta de reservas petrolíferas nas rochas da camada Pré-Sal. As proposições abaixo tratam de características dessas reservas petrolíferas. Analiseas
e identifique a resposta correta.
I - Nas rochas da camada pré-sal existentes no mundo, a primeira descoberta de reserva petrolífera ocorreu no litoral atlântico brasileiro. A camada pré-sal é um grande reservatório de petróleo
e gás natural localizado nas bacias de Santos, Campos e Espírito Santo (região litorânea entre os estados de Espírito Santo e Santa Catarina).
II - Segundo o Governo Federal, a exploração de petróleo nessas áreas vai proporcionar segurança energética para o Brasil e com isso “blindar” o país contra eventuais crises de energia mundiais.
III - A abundância do petróleo na camada do pré-sal vai contribuir para aumentar a importância econômica e um destaque nageopolítica do Brasil no espaço mundial. Ao mesmo tempo vai
gerar empregos a agregar valores à produção por meio de exportação.
Está(ão) correta(s)
a) Apenas a proposição III
b) Apenas as proposições I e II
c) Apenas as proposições I e III
d) Apenas a proposição I
e) Todas as proposições

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Postagens populares